quinta-feira, 21 de agosto de 2014

SANTA CEIA

                                                 



A Santa Ceia foi instituída na noite em que o Senhor Jesus se reuniu com seus amados discípulos para partilhar a páscoa - festa em comemoração ao milagre da saída do povo de israel do Egito. A partir desse momento, seu povo deveria cumprir a ordenança, todas vezes que se reunisse. Deve-se observar, que apesar de séculos terem passados, a Igreja procurar zelar pelos preceitos do Mestre cercando à Mesa, ou seja, celebrando a Santa Ceia com a mesma reverência, temor e amor que os primeiros irmãos da Igreja Primitiva. Deve participar desse momento mais sagrado quem está em plena comunhão com o Senhor. ( I Co 11.29,30 ).
O momento deve ser cumprido conforme o modelo deixado. Não fazendo como uma lembrança, uma repetição do ato sacrificial, pois a morte do Senhor não é revivida todas as vezes que  a Igreja cumpre o que Lhe foi ordenado, mas, deve ser uma forte lembrança do sacrifício que Cristo, o Cordeiro de Deus, fez pela humanidade ( Jo 3.16 ).
Ao tomarmos o vinho o mesmo não torna-se o sangue de Cristo, mas deve ser recordado o sangue que foi vertido na cruz do calvário. O mesmo se dá com o pão, que é uma recordação do corpo que levou sobre Si todas as nossas dores, culpa, derrotas visando nossa redenção ( Is 53.4,5). 
Lembremo-nos dos ensinamentos do Mestre.  
                                                 
                  SANTA CEIA - SÍTIO RIACHO DA VÁRZEA  (20/08/14)                                          
             
                                              






Irmã Merci                                                                                                                                    21/08/14


Congregação IEAD - no Sítio Serrote, Santa Cruz - PE.

Como é bom adorar a Deus. Para alguns ser obreiro nestes lugares de tão difícil acesso é ser aventureiro, mas, para um crente salvo e sen...